terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Gentileza gera felicidade!

Érima de Andrade

A ciência comprovou o que já se sabia na prática: ser gentil faz bem!

A pesquisa da professora Sonja Lyubomirsky, da Universidade da Califórnia, comprovou que as pessoas são mais felizes quando são gentis. E mais: que uma variedade de atitudes gentis geram mais felicidade do que repetir várias vezes um mesmo gesto gentil.

 O resultado dessas pequenas ações, garantem os cientistas, vai além do que os olhos podem ver.

“A gente nunca sabe onde uma gentileza pode levar.” afirma a psicóloga Cecília Zylberstajn. “Pode te mostrar amores, almas gêmeas, amigos”.

Ser gentil é mais do que ser educado.

Gentileza é um modo de agir, um jeito de ser, uma maneira de enxergar o mundo. A pessoa gentil é aquela que sabe observar, que percebe a necessidade do outro e toma a iniciativa de agir. Quanto mais gentil somos com as pessoas, mais gentil somos também com nossa verdade, com nossos valores. É um atributo muito mais sofisticado e profundo que ser educado ou meramente cumprir regras de etiqueta. 

Comprovou-se também que a gentileza é contagiante.

Um estudo publicado na revista Proceedings of the National Academy of Sciences mostrou que quem se beneficia de um ato de gentileza, passa adiante a gentileza para pessoas que inicialmente não estavam envolvidas no ato. De acordo com o estudo, a generosidade de uma pessoa se espalhava para três outras pessoas e, em seguida, para nove pessoas com as quais estas três interagiam e assim por diante.


Rosana Braga no seu livro “O poder da gentileza”, lista 10 dicas para facilitar a prática diária da gentileza. Ela acredita que se conseguirmos incorporar pelo menos algumas dessas ações, nossa vida já se tornará bem mais leve e gostosa.


1. Tente se colocar no lugar do outro. Isso o ajuda a entender melhor as pessoas, seu modo de pensar e agir.

2. Aprenda a escutar. Ouvir é muito importante para solucionar qualquer desavença ou problema.

3. Pratique a arte da paciência. Evite julgamentos e ações precipitadas.

4. Peça desculpas. Isso pode prevenir a violência e salvar relacionamentos.

5. Pense positivo. Procure valorizar o que a situação e o outro têm de bom e perceba que este hábito pode promover verdadeiros milagres.

6. Respeite as pessoas quando elas pensarem e agirem de modo diferente de você. As diferenças são uma verdadeira riqueza para todos.

7. Seja solidário e companheiro. Demonstre interesse pelo outro, por seus sentimentos e por sua realidade de vida.

8. Analise a situação. Alcançar soluções pacíficas depende de se descobrir a raiz do problema.

9. Faça justiça. Esforce-se para compreender as diferenças e não para ganhar, como se as eventuais desavenças fossem jogos ou guerras.

10. Mude a sua maneira de ver os conflitos. A gentileza nos mostra que o conflito pode ter resultados positivos e ainda tornar a convivência mais íntima e confiável.


E então, qual vai ser sua próxima gentileza?



6 comentários:

  1. Encaminhar este post para meus amigos no Facebook. Obrigada pelo post.

    ResponderExcluir
  2. Também encaminhei já!!!
    Valeu! muito obrigada! _/\_

    ResponderExcluir
  3. Muito obrigado por alegrar meu dia. ^^

    ResponderExcluir
  4. Muito bom! é quase natural quando estamos bem e felizes...mas precisamos nos observar quando algo nos entristece a alma ou inquieta o coração...

    ResponderExcluir
  5. muito bom ,obrigada já postei no facebook

    ResponderExcluir

Vou ficar feliz com seu comentário. É muito bem vindo!